RANKING DAS COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS: UM ESTUDO DOS INDICADORES DE DESEMPENHO E A RELAÇÃO COM ATRIBUTOS DE GOVERNANÇA CORPORATIVA

Autores

  • Cristian Baú dal Magro UFLA
  • Marcello Christiano Gorla
  • Adriana Kroenke
  • Nelson Hein

Resumo

Os indicadores de desempenho econômico-financeiro podem ser utilizados para elaboração de jogos contra a natureza aplicável
pela teoria dos jogos. Alguns atributos de governança corporativa podem exercer influência sobre o desempenho das organizações.
Neste sentido, o resultado do ranking gerado com base nos indicadores pode ser utilizado para se relacionar com alguns atributos de
governança. Diante desta perspectiva, o objetivo deste estudo consiste em estabelecer um ranking das cooperativas agropecuárias
com base nos indicadores econômico-financeiros e a relação com atributos de governança corporativa. A metodologia usada é
caracterizada como descritiva e a análise documental como abordagem quantitativa. A amostra é composta de 25 cooperativas
agropecuárias. A coleta dos dados foi realizada por meio dos relatórios de gestão e das demonstrações contábeis divulgadas no ano
de 2013. Os resultados indicaram o rol de cooperativas que apresentaram melhores posicionamentos com base nos indicadores de
desempenho econômico-financeiro. Concluiu-se que a separação de propriedade e controle está relacionada com o desempenho
econômico-financeiro mais satisfatório e que não existe uma relação entre o tamanho do conselho de administração e o número de
cooperados com o ranking dos indicadores de desempenho econômico-financeiro.

Downloads

Publicado

2015-08-24

Como Citar

DAL MAGRO, C. B.; GORLA, M. C.; KROENKE, A.; HEIN, N. RANKING DAS COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS: UM ESTUDO DOS INDICADORES DE DESEMPENHO E A RELAÇÃO COM ATRIBUTOS DE GOVERNANÇA CORPORATIVA. Organizações Rurais & Agroindustriais, [S. l.], v. 17, n. 2, 2015. Disponível em: http://revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/996. Acesso em: 13 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos