ASSOCIATIVISMO NA AGRICULTURA FAMILIAR: CONTRIBUIÇÕES PARA O ESTUDO DO DESENVOLVIMENTO NO ASSENTAMENTO RURAL LAGOA GRANDE, EM DOURADOS (MS), BRASIL

  • Adriana Rita Sangalli UFLA
  • Heloiza Cristina Holgado da Silva
  • Ivânia Freire da Silva
  • Madalena Maria Schlindwein

Resumo

O associativismo rural consiste num sistema integrado de produtores e, juntamente com a cooperação, desempenha importante participaçãonos processos de criação e fortalecimento de estratégias de subsistência voltadas à permanência dos agricultores familiares nos lotes deassentamentos rurais. Continuar a residir nesses locais tornou-se um grande desafio para essas famílias em todo o país, especificamente noEstado do Mato Grosso do Sul. Neste sentido, este estudo foi realizado como objetivo de investigar os mecanismos relativos ao associativismoe sua manifestação no assentamento rural Lagoa Grande, localizado em Dourados, Mato Grosso do Sul, Brasil. A metodologia utilizadacaracterizou-se como uma pesquisa de campo, com a realização de coleta de dados por meio da aplicação de questionários a todos osmoradores do assentamento. Os resultados indicam que várias deficiências no assentamento poderiam ser amenizadas ou sanadas comuma maior atuação da Associação de Moradores. A eficiência produtiva dos lotes e a consequente fixação das famílias depende, além depolíticas públicas, de uma reestruturação da associação de moradores do assentamento, buscando, além do restabelecimento da confiançana mesma, com a participação dos assentados, a colaboração e a exigência do cumprimento do papel da diretoria.
Publicado
24-08-2015
Como Citar
SANGALLI, A.; DA SILVA, H.; DA SILVA, I.; SCHLINDWEIN, M. ASSOCIATIVISMO NA AGRICULTURA FAMILIAR: CONTRIBUIÇÕES PARA O ESTUDO DO DESENVOLVIMENTO NO ASSENTAMENTO RURAL LAGOA GRANDE, EM DOURADOS (MS), BRASIL. Organizações Rurais & Agroindustriais, v. 17, n. 2, 24 ago. 2015.
Seção
Artigos