ANÁLISE DOS CUSTOS DE TRANSAÇÃO NAS COOPERATIVAS DA CADEIA PRODUTIVA DO LEITE NO OESTE DE SANTA CATARINA

  • Maycon Noremberg Schubert UFLA
  • Paulo Dabdab Waquil

Resumo

Objetivou-se, no presente artigo discutir uma proposta metodológica aplicável aos estudos sobre os Custos de Transação. Além da apresentação do aporte teórico e das ferramentas metodológicas, apresentamos um estudo de caso em que tal proposta é utilizada. O universo empírico do estudo é o Oeste de Santa Catarina, com foco nas cooperativas de produção de leite. Apresentamos a discussão sobre os Custos de Transação sob as três dimensões: frequência, especificidades dos ativos e incertezas, sendo que, além dessas, inserimos a variável confiança como relevante ao estudo. Com relação aos pressupostos, os utilizamos também como variáveis. Apresentamos uma escala de diferencial semântico, a qual nos permitiu construir índices capazes de evidenciar importantes resultados comparativos. Observamos que as especificidades dos ativos tiveram um peso importante no aumento dos Custos de Transação. Por outro lado, a confiança e a frequência contribuíram no sentido de diminuírem os Custos de Transação. Os preços pagos no ano de 2010 foram menores nas cooperativas que apresentaram maiores Custos de Transação, demonstrando forte correlação. A concorrência contribui com o aumento dos Custos de Transação, o que veio a prejudicar a competitividade das cooperativas. Por fim, concluímos que tal proposta metodológica e teórica pode ser aplicada em outros estudos de caso.
Publicado
06-01-2015
Seção
Artigos