UMA ANÁLISE DA TRANSMISSÃO DE PREÇOS DA CARNE SUÍNA EM MERCADOS SELECIONADOS NO BRASIL NO PERÍODO DE 2000 A 2009

Autores

  • Alan Figueiredo de Arêdes Universidade Federal Fluminense
  • Maurinho Luiz dos Santos Universidade Federal de Viçosa
  • Marília Fernandes Maciel Gomes Universidade Federal de Viçosa

Palavras-chave:

Preço, suíno, mercado

Resumo

Objetivou-se, no presente artigo, analisar as relações de transmissão de preços da carne suína entre os mercados de Santa Catarina, Minas Gerais e São Paulo, bem como avaliar o relacionamento dos preços dessas regiões com o preço da carne suína no mercado internacional. Para isso, foram utilizadas as séries de preços da carne ao atacado e utilizado o modelo de séries temporais Vector Autoregression (VAR). Constatou-se que os preços catarinenses tiveram maior impacto sobre a dinâmica das séries de preços mineira e paulista, tendo o preço catarinense e no mercado internacional apresentado maior exogeneidade. Verificou-se também que os choques de preços, embora desestabilizem o mercado, seus efeitos tendem a se dissipar em torno de um a dois anos, sugerindo que a incidência de inovações requer certo período de tempo para que o mercado e os preços se ajustem.

Biografia do Autor

Alan Figueiredo de Arêdes, Universidade Federal Fluminense

Professor Adjunto do Departamento de Ciências Econômicas - Universidade Federal Fluminense.

Maurinho Luiz dos Santos, Universidade Federal de Viçosa

Professor Associado do Departamento de Economia Rural - Universidade Federal de Viçosa.

Marília Fernandes Maciel Gomes, Universidade Federal de Viçosa

Professora Associada do Departamento de Economia Rural - Universidade Federal de Viçosa.

Downloads

Publicado

2012-05-10

Como Citar

DE ARÊDES, A. F.; DOS SANTOS, M. L.; GOMES, M. F. M. UMA ANÁLISE DA TRANSMISSÃO DE PREÇOS DA CARNE SUÍNA EM MERCADOS SELECIONADOS NO BRASIL NO PERÍODO DE 2000 A 2009. Organizações Rurais & Agroindustriais, [S. l.], v. 14, n. 1, 2012. Disponível em: http://revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/463. Acesso em: 10 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos