EFICÁCIA DA POLÍTICA DE CRÉDITO GOVERNAMENTAL SOBRE A RENDA DOS ASSENTADOS DA REFORMA AGRÁRIA: UM ESTUDO DE CASO

  • Ronaldo Arraes
  • José Luis de Sousa Júnior
Palavras-chave: Assentamento Santa Rita, Reforma Agrária, Eficácia de Políticas Públicas

Resumo

O presente trabalho foi realizado com o objetivo de verificar o impacto dos créditos de instalação do Programa Nacional de Reforma Agrária e do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – grupo A (Pronaf-A) sobre a renda domiciliar dos trabalhadores rurais do Assentamento Santa Rita, localizado no município de Altos, Piauí. Para tanto, elaborou-se uma análise das características do assentamento e fez-se inferência estatística por meio de testes de hipóteses, para se constatar o impacto dos referidos créditos dos programas, considerando as variáveis renda média domiciliar (principalmente) e escolaridade do chefe da família, para os anos de 2001 e 2005. Testes comparativos sobre as médias populacionais foram conduzidos para cada variável, considerando as amostras de dados de Santa Rita, Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) e Pronaf-A. A base de dados foi coletada no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária do Piauí, Centro Piauiense de Ação Cultural e PNAD. Os resultados indicam a necessidade de um redirecionamento de políticas de assentamentos, a fim de promover a eficácia de recursos públicos em prover elevação de bem estar e sustentabilidade nas atividades de agricultores familiares em áreas pobres e de baixa produtividade, como a nordestina.
Publicado
04-04-2011
Seção
Artigos