EFICIÊNCIA ECONÔMICA DA CAFEICULTURA NO SUL DE MINAS GERAIS: UMA ABORDAGEM PELA ANÁLISE ENVOLTÓRIA DE DADOS

Autores

  • Adriano Higino Freire Universidade Federal de Lavras
  • Ricardo Pereira Reis Universidade Federal de Lavras
  • Danielle Pedretti Morais Lima Faculdade Presbiteriana Gammon
  • Renato Elias Fontes Universidade Federal de Lavras

Palavras-chave:

Café, custos de produção, eficiência técnica, eficiência alocativa

Resumo

Por meio deste estudo, buscou-se avaliar a eficiência econômica da alocação dos recursos produtivos da cafeicultura no Sul de Minas Gerais. Os municípios pesquisados estão entre os maiores produtores do sul do Estado, a exemplo de Alfenas, Guaxupé, São Sebastião do Paraíso, Varginha e Três Pontas, totalizando 46 propriedades de café. Este estudo baseia-se nos princípios da teoria da produção e do custo e utiliza o modelo de Análise Envoltória de Dados para avaliar a eficiência econômica dos cafeicultores pesquisados. Os coeficientes técnicos referem-se aos anos agrícolas 2006/2007, 2007/2008 e 2008/2009, que foram ajustados para a safra 2008/2009. Em média, os cafeicultores apresentam eficiência econômica de 64,08%. Considerou-se o produtor de café economicamente eficiente aquele em que a medida de eficiência econômica (EE) fosse igual ou maior 90,0%, e o percentual de cafeicultores que atingiram esse escore mínimo de eficiência foi de 13,4%. Os resultados indicaram uso ineficiente dos recursos produtivos na maioria dos casos, tanto técnica quanto economicamente.

Biografia do Autor

Adriano Higino Freire, Universidade Federal de Lavras

Mestre em Administração.

Ricardo Pereira Reis, Universidade Federal de Lavras

Professor Titular do Departamento de Administração e Economia.

Danielle Pedretti Morais Lima, Faculdade Presbiteriana Gammon

Faculdade Presbiteriana Gammon.

Renato Elias Fontes, Universidade Federal de Lavras

Professor do Departamento de Administração e Economia.

Downloads

Publicado

2012-05-10

Como Citar

FREIRE, A. H.; REIS, R. P.; LIMA, D. P. M.; FONTES, R. E. EFICIÊNCIA ECONÔMICA DA CAFEICULTURA NO SUL DE MINAS GERAIS: UMA ABORDAGEM PELA ANÁLISE ENVOLTÓRIA DE DADOS. Organizações Rurais & Agroindustriais, [S. l.], v. 14, n. 1, 2012. Disponível em: http://revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/458. Acesso em: 10 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos