ANÁLISE DA COMPETITIVIDADE DO APL DE PISCICULTURA NO LAGO DE TRÊS MARIAS

Luciano Thomé e Castro, Marina Darahem Mafud, Roberto Fava Scare

Resumo


Objetivou-se, neste artigo, analisar a competitividade e as potencialidades da piscicultura no Lago de Três Marias em Minas Gerais, dado que é latente o desenvolvimento dessa atividade como alternativa econômica para a região. São utilizadas a visão de APL (Arranjo Produtivo Local), com contribuições da Nova Economia Institucional e de coordenação em sistemas agroindustriais, como modelos de análise. Como método para coleta de dados, foi realizado um levantamento de dados in loco por meio de entrevistas e da organização
de um workshop com agentes participantes do APL. Foi possível concluir que, a despeito das grandes vantagens em termos de recursos naturais e apoio governamental, grande parte dos desafios para aumentar a competitividade da atividade está relacionada à consolidação das instituições e à melhoria da coordenação vertical e horizontal entre os agentes participantes. Uma vez que essas ações e definições estejam implementadas, é razoável supor que recursos e competências locais existentes serão mais bem aproveitados, gerando benefícios econômicos e sociais relevantes para uma região ainda pouco desenvolvida no Brasil, mas com potencial notável.

Palavras-chave


Piscicultura; competitividade; sistema agroindustrial da tilápia

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Organizações Rurais & Agroindustriais - Revista Eletrônica de Administração da UFLA

ISSN: 2238-6890 (edição on-line)


Universidade Federal de Lavras - UFLA - Departamento de Administração e Economia
Campus Universitário - Cx. Postal 37 - CEP 37200-000
Lavras - MG - Tel.: 35 3829 1441
Comentários e sugestões: revistadae@dae.ufla.br

Copyright 2011 - Todos os Direitos Reservados