CUSTOS DE PRODUÇÃO DA CAFEICULTURA NO SUL DE MINAS GERAIS

Ricardo Pereira Reis, Antônio João dos Reis, Renato Elias Fontes, Heloísa Rosa Carvalho Takaki, Luiz Gonzaga de Castro Júnior

Resumo


Apresenta-se, neste estudo, uma proposta de planilha com os custos de produção do café em diferentes faixas de produtividade. A pesquisa baseia-se na teoria dos custos e o local de estudo foi a Região Sul de Minas Gerais, onde foram levantados dados de 48 propriedades de café na safra 1998/99. Considerando os indicadores econômicos obtidos na pesquisa, pode-se concluir que as despesas com os recursos variáveis são as que mais oneram o custo final do café. Os itens que mais afetaram os custos de produção foram a formação de lavoura, no caso dos recursos fixos, e os gastos com a mão-de-obra, principalmente a temporária. Conclui-se, também, que a cafeicultura responde à economia de escala e, no geral, a safra cafeeira de 1998/99 apresentou uma situação de lucro econômico.


Palavras-chave


custos de produção; café; Sul de Minas

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Organizações Rurais & Agroindustriais - Revista Eletrônica de Administração da UFLA

ISSN: 2238-6890 (edição on-line)


Universidade Federal de Lavras - UFLA - Departamento de Administração e Economia
Campus Universitário - Cx. Postal 37 - CEP 37200-000
Lavras - MG - Tel.: 35 3829 1441
Comentários e sugestões: revistadae@dae.ufla.br

Copyright 2011 - Todos os Direitos Reservados