CAPACITAÇÃO GERENCIAL DE AGRICULTORES FAMILIARES: UMA PROPOSTA METODOLÓGICA DE EXTENSÃO RURAL

Wagner Luiz Lourenzani

Resumo


O segmento da agricultura familiar assume papel sócio-econômico de grande importância no agronegócio brasileiro. Seu desenvolvimento é entendido como uma das pré-condições para uma sociedade economicamente mais eficiente e socialmente mais justa. Existe uma série de fatores que afetam significativamente o desempenho dos empreendimentos rurais. Muitas dessas variáveis fogem ao controle da unidade de produção, mas outras, como a gestão da produção, estão mais diretamente vinculadas ao seu controle. Problemas relacionados à sua sustentabilidade revelam a forte deficiência na administração de estabelecimentos rurais em geral e, em particular, na produção familiar. Assim, a proposta de um curso de extensão rural, na área gerencial, atua especificamente sobre esta deficiência, articulando as diversas ferramentas gerenciais de apoio à produção familiar. Neste contexto, este trabalho busca propor uma estrutura metodológica de capacitação gerencial de agricultores familiares, de forma a contribuir para a sustentabilidade econômica da agricultura familiar, bem como para a melhoria da qualidade de vida no campo.

Palavras-chave


extensão rural; capacitação gerencial; agricultura familiar

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Organizações Rurais & Agroindustriais - Revista Eletrônica de Administração da UFLA

ISSN: 2238-6890 (edição on-line)


Universidade Federal de Lavras - UFLA - Departamento de Administração e Economia
Campus Universitário - Cx. Postal 37 - CEP 37200-000
Lavras - MG - Tel.: 35 3829 1441
Comentários e sugestões: revistadae@dae.ufla.br

Copyright 2011 - Todos os Direitos Reservados