AS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DOS SETORES DO AGRONEGÓCIO: UMA ANÁLISE INSUMO–PRODUTO

  • Juliana Sampaio Mori Fundação Hermí­nio Ometto
  • Fernando da Silva Pereira Fundação Hermí­nio Ometto
Palavras-chave: Produção setorial, Emprego, Valor Adicionado

Resumo

O presente estudo teve por objetivo estimar os impactos diretos, indiretos e induzidos das exportações dos setores do agronegócio sobre o valor da produção, valor adicionado e emprego, por meio da análise insumo-produto. Os resultados mostraram que os efeitos diretos, indiretos e induzidos sobre o valor da produção, valor adicionado e emprego de seus setores foram de 51,45%, 41,77% e 66,09%, respectivamente. Os efeitos induzidos predominaram nos impactos sobre a produção e valor adicionado. Entretanto, em relação aos impactos sobre o emprego, os efeitos diretos foram os mais relevantes. Observou-se ainda que as exportações do setor Agropecuário foram os que apresentaram os maiores impactos diretos, indiretos e induzidos no valor da produção, valor adicionado e empregos. O setor Comércio, por sua vez, apresentou os maiores efeitos indiretos e induzidos.

Biografia do Autor

Juliana Sampaio Mori, Fundação Hermí­nio Ometto
Possui gradação em Ciências Econômicas pela Universidade de São Paulo (2004) e mestrado em Economia pela Universidade de São Paulo (2008). Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Agrícola e atuando principalmente nos seguintes temas: mercado de trabalho e métodos quantitativos em economia. Professora da graduação dos cursos de Ciências Contábeis, Administração e Economia da FHO Uniararas - Centro Universitário Hermínio Ometto.
Fernando da Silva Pereira, Fundação Hermí­nio Ometto
Economista pela Universidade Estadual Paulista, UNESP. Mestre em Engenharia de Produção pela Universidade de São Paulo, USP, Escola de Engenharia de São Carlos, EESC. Especialista em Planejamento, Implementação e Gestão para a Educação a Distância, Universidade Federal Fluminense, UFF. Foi Coordenador da Área de Gestão de Negócios para a Educação a Distância, da FHO Uniararas, sendo o Coordenador do Curso Superior de Tecnologia em Processos Gerenciais (EaD) e Coordenador do curso de Bacharelado em Administração (EaD), da FHO Uniararas, até setembro de 2014. Atualmente é o Coordenador do Bacharelado em Ciências Econômicas da FHO Uniararas e também Coordenador do Curso Superior de Tecnologia em Gestãoo Financeira e do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos, ambos na modalidade presencial. Na pós-graduação é o coordenador do MBA em Comércio Exterior. 
Publicado
18-08-2020
Como Citar
MORI, J.; PEREIRA, F. AS EXPORTAÇÕES BRASILEIRAS DOS SETORES DO AGRONEGÓCIO: UMA ANÁLISE INSUMO–PRODUTO. Organizações Rurais & Agroindustriais, v. 20, n. 3 e 4, p. 155-169, 18 ago. 2020.