O PAPEL DO PROGRAMA NACIONAL DE ASSESSORIA TÉCNICA, SOCIAL E AMBIENTAL (ATES) A LUZ DA ABORDAGEM PRÓ-MARKET EXTENSION: UM ESTUDO DA CADEIA DO LEITE DE SANTANA DO LIVRAMENTO (RS)

Ana Paula Schervinski Villwock, Patricia Eveline dos Santos Roncato, Pedro Selvino Neumann

Resumo


No contexto do neoliberalismo e do processo de globalização, a Extensão Rural também foi influenciada pela redução do estado na economia e, consequentemente, uma maior participação do setor privado e da sociedade civil, e, ainda, na Extensão Rural passaram a discussões de diferentes abordagens, dentre elas o modelo pró-market extensivo. Assim, esse estudo teve como objetivo analisar o programa de Assessoria Técnica, Social e Ambiental (ATES) à luz da abordagem do pró-market extension, usando a cadeia produtiva leiteira de Santana do Livramento (RS) como estudo de caso. Verifica-se, a partir do estudo, que existem limitações de cunho operacional e gerencial, pois o programa de ATES tem uma perspectiva universal, diferentemente do que é proposto pela abordagem pró-market extension. Entretanto, percebem-se algumas ações pontuais dos técnicos da ATES que corroboram com a abordagem analisada, como a grande quantidade de horas voltadas para atividade do leite visando ao mercado, bem como uma aproximação destes com os demais atores da cadeia de produção do leite do município.

Palavras-chave


Extensão Rural, pró-market, cadeia do leite

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Organizações Rurais & Agroindustriais - Revista Eletrônica de Administração da UFLA

ISSN: 2238-6890 (edição on-line)


Universidade Federal de Lavras - UFLA - Departamento de Administração e Economia
Campus Universitário - Cx. Postal 37 - CEP 37200-000
Lavras - MG - Tel.: 35 3829 1441
Comentários e sugestões: revistadae@dae.ufla.br

Copyright 2011 - Todos os Direitos Reservados